• fotos_blog

5 tipos de posts que não funcionam mais

Eduarda Vidal Redatora

26/09/2019

Com a quantidade de informações e posts que visualizamos diariamente, é de se esperar que a velocidade com a qual uma tendência deixa de funcionar é muito maior na era digital.

A cada semana sai um novo meme ou notícia e é preciso correr para não perder o time, sem contar naqueles conteúdos que simplesmente não funcionam mais e as empresas devem abandonar de uma vez por todas.

1. Conteúdos genéricos 

Antes de produzir um conteúdo, é preciso ter em mente a sua relevância. Fazer por fazer não deve ser uma opção.

Geralmente, quando se faz algo sem um planejamento ou uma ideia concreta do impacto que quer causar, o resultado é um conteúdo sem foco e que não diz muita coisa.

Para evitar esse tipo de problema, basta pensar: “Eu curtiria/compartilharia esse post se estivesse seguindo essa página?” 

2. Frases da Clarice Lispector

Não é só a Clarice Lispector, mas tem muitos autores que tiveram seus nomes atribuídos a tantos posts que muitas vezes as frases sequer são de sua autoria.

Isso não significa que você tenha que abandonar posts com frases, pois de fato elas funcionam para inspirar pessoas e gerar mais engajamento para a sua marca.

O que você deve buscar é mais cuidado com o que vai publicar, buscando referências que não estejam tão batidas e, principalmente, que sejam da autoria indicada.

3. Bom dia/ boa tarde/ boa noite

Para não transformarmos as redes sociais em grupo de WhatsApp de família, podemos fazer um acordo: ninguém mais faz post de bom dia, boa tarde ou boa noite. Afinal, dia, tarde e noite é TODO dia né.

4. Fotos de banco com pessoas fake

Todo mundo sabe que humanizar um perfil com fotos de pessoas reais é uma tendência que traz muito mais engajamento.

No entanto, ao utilizar fotos de banco, é preciso ter cuidado na escolha das pessoas, buscando uma proximidade com a região que você se encontra.

Se uma marca é brasileira, por que utilizar fotos de banco com modelos nórdicos ou orientais?

Esse detalhe é muito importante para gerar identificação com a marca. Afinal, seu público precisa se sentir representado.

5. Artes poluídas

O que é uma arte poluída? Não, não é uma arte que fale sobre meio ambiente e resíduos. Ou, até, pode ser. Desde que ela esteja carregada de muitos elementos visuais e referências que não dialoguem entre si.

Uma arte poluída é aquela que não é agradável aos olhos, tornando-se confusa para apreender uma mensagem ou imagem.

Diante de tudo que foi dito, é importante lembrar que, na Publicidade, se existe uma coisa que não tem limite, sem dúvida, é a criatividade.

Dá uma olhada neste post do Bob’s Brasil que atingiu milhares de visualizações. Essa é a prova de que a ousadia pode salvar qualquer ideia, até mesmo aquelas que ninguém quer mais ver.

Portanto, se utilizados de forma criativa e irreverente, é possível sim recorrer a um desses tipos de posts para engajar seus seguidores.


Sobre o Autor

author Eduarda Vidal - Redatora - Metade punk rock, metade budista.